Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TEMPESTADE DE AMOR

Nesta tarde que agora cai
trazendo a noite de ventania e
destruindo as rosas de meu jardim...
pingos molham a terra
misturam-se à tempestade da saudade
que cabe em mim.
Não ofuscam a luz do meu amor
porque tudo é provação
e trago imenso sentir no coração.
Amor que destrói uma a uma
qualquer tentativa em desfazer
o nosso ninho de amor...
Nada apaga essa chama.
Meu desejo o traz
num caminho sem volta
sem porta,
e não há como voltar atrás;
Este amor está traçado
pelo meu e seu coração.
A chama desse querer
arde apenas de felicidade.
Está acesa
repleta
é vida desperta
amor em profusão
sem ilusão
é realidade
São novos rumos
prumo exato.
Vida sempre,
eterna união!

19.Setembro.2005
13h15
ITANHAÉM     SP
Míriam Torres
Enviado por Míriam Torres em 19/09/2005
Código do texto: T51802
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Míriam Torres
Itanhaém - São Paulo - Brasil
307 textos (17335 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:28)
Míriam Torres