Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

REVERSOS!

Morderei a tua boca
Não não tirarei o teu sangue
Apenas deixarei esta marca
Para que nunca mais
Fale que não tens versos

Morderei os teus ombros
E de cada arrepio que sentir
Terá um universo
O maior possível em palavras
Para não te deixar sem versos

Morderei tuas mãos
Cada um de teus dedos
Para sentir calafrios em cada palavra
Rasgando vestes e pensamentos
A começar novos versos

Morderei tua alma
Impregnando de ardores
De todas as cores
D'água, mato e terra
Rogando por novos versos

Tomarei tua boca de novo
Dessa língua, pátria língua
Partirás em viagem alucinante
Como se fosse transpor esta porta
Nua em forma de verso

Tens na diversidade o foro para embeber-se de novos versos!

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 20/09/2005
Código do texto: T52039
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120250 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 21:57)
Peixão