Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Morto Objeto

sem mais vida
frio jaz
um corpo vazio
a alma o fez sujeito
a carne o faz objeto
perde-se em finalidade
o que se ganha em saudade
identidade evapora
revive em quem assiste
o que mais existe ?
o embora, o não  mais ter horas...
senão lágrima que insiste
eternizar a memória
das cinzas que o vento leva
misturando a poeira e história
diluindo na chuva, água que é...
sombras ficam juras de fé
desintegração
outras formas de fim
começo, outras normas
alimento... da terra verdume
terra lavada, perfume
fim da vida, outro começo
corpo objeto ao avesso
Plínio Sgarbi
Enviado por Plínio Sgarbi em 20/09/2005
Código do texto: T52129
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Plínio Sgarbi
Jaú - São Paulo - Brasil, 54 anos
241 textos (218184 leituras)
21 áudios (3298 audições)
5 e-livros (510 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:12)
Plínio Sgarbi