Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

latada

desci duas quadras
trompei de frente com o Fabinho e Bolacha
estavam em estado de graça
comendo as pontas dos dedos
buscando restos da desgraça
consumiram tudo que tinham
suas famílias
pertences mulheres
dignidade e verdades
maltrapilhos e maltratados
espertos quando estigados
não fumam mais baseados
zucam até mesmo o espaço
temporal
frio com ventania
sensação termica que a química lhes daria
de calor
falso como o banho da chuva que me lavou
logo após infiltrou em meus pulmões decadentes
um vírus prepotente
espirrei pelo vão dos dentes
um pó branco
descalcificando os cacos
que habitavam meus lábios
dopado esperando ansioso
ser latado...

Marco Cardoso
Enviado por Marco Cardoso em 26/09/2005
Código do texto: T53964
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marco Cardoso
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil
1601 textos (34630 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 16:13)
Marco Cardoso