Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUANDO OLHO PRA VOCÊ (DUETO COM POETISA CELIA JARDIM)

Quando olho pra você
e vejo seus olhos a me fitar,
meu coração acelera,
minha voz se cala,
e fico perdida a te contemplar.
Você me deixa assim,
perdida em você ou em mim....
(Célia Jardim)

Quando olho pra você,
seu olhar me deslumbra,
tem toque de magia no ar,
e nesse encontro das retinas,
meu olhar, o amor vislumbra,
é poesia que não se lê,
cega-me a visão e então
percebo: estou perdido em você...
(Andrade Jorge)

Quando olho pra você
seus olhos me dizem tudo,
não preciso de palavras,
este seu olhar não é mudo...
sem nenhuma explicação,
sou levada pela emoção,
entrego-me aos seus carinhos,
já não procuro caminhos...
seu corpo é minha estrada,
o rumo certo do meu desejo,
E me faz entender,
que só posso me encontrar,
se em você me deixo perder...
(Célia Jardim)

Quando olho pra você
vejo o sol refletindo a lua
faiscando a chama desse olhar que ama,
assim desnudo-a, desnuda-me, arde
queimam meus cristais congelando-a nua
Invado-a, invade-me sem pudor, sem alarde
olhares que se fundem: eu, você, nós,
olhar uno revelando fascínio
que dispensa o som da voz.
(Andrade Jorge)


http://cantinhopoeticoceliajardim.vilabol.uol.com.br /Belo Horizonte/MG

http://andradejorge.zip.net /Jundiaí/SP



ANDRADE JORGE
Enviado por ANDRADE JORGE em 26/09/2005
Reeditado em 25/03/2010
Código do texto: T53999

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ANDRADE JORGE
Jundiaí - São Paulo - Brasil
1027 textos (89994 leituras)
26 áudios (1819 audições)
2 e-livros (330 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 17:01)
ANDRADE JORGE