Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POETA PEREGRINO DO AMOR



 
Poeta é um andarilho sem rumo
seguindo o brilho das estrelas
amando o luar
a natureza e todo o encanto do viver.
O poeta anda de pés descalços
ora latejando, ora sangrando,
mas o cantar é de amor
e sem ele não vivemos
pois o poetar é nosso viver,
nosso respirar,
nosso alento.
Como viver sem a poesia
se ela que expressa o nosso amor,
leva a palavra de paz.
procura unir essa humanidade tão sofrida.
Poeta é um ser iluminado
que nasceu para acalentar nossa alma
iluminar nossos caminhos,
nos dar esperança
mostrar sempre o amor
e em versos e prosa ele canta
a vida, o sofrer e a esperança.
Como viver sem ela.
Impossível...
Mesmos com pés sangrando
vamos peregrinando por esse mundo
levando nosso amor
pois ele é a nossa vida.
 
 
 
zelisa camargo
ZEL
Enviado por ZEL em 01/03/2005
Código do texto: T5424
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ZEL
Aparecida de Goiânia - Goiás - Brasil, 69 anos
311 textos (33908 leituras)
8 e-livros (802 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/16 00:19)
ZEL