Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Dia Branco


O dia cândido
Pousa sobre as coisas
Meus pensamentos brancos
Não me dizem nada

A manhã desliza quietinha
Nas ondas do tempo,
A vacada amuada
Se arrebanha, se encosta;
No canto da cerca...

Lá de riba descia um corguinho fino,
Descia... não desce mais:
Suas pernas fraquejaram,

Um TRATORZÃO amarelo
Pifou seu coraçãozinho;
Não desce mais




José Mattos
Enviado por José Mattos em 28/09/2005
Reeditado em 10/10/2005
Código do texto: T54452

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.josemattos.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Mattos
Santa Rita do Pardo - Mato Grosso do Sul - Brasil, 52 anos
54 textos (2839 leituras)
1 e-livros (48 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 08:40)
José Mattos