Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu e a Poesia!


Muitas vezes, na poesia encontrando guarida te encontro
Outras vezes, os versos me açoitam e me esvaio em pranto
Minha sina, hoje ao desabafo na rima, meu conforto
Os sonhos não morrem! Quando vem o sono, me transporto.

Pra meu consolo a rima vem e me acaricia o pranto
Crio versos de encanto e no caminhar à vida rimo delícias...
Mãos de fada, um mundo de sentimentos criando fantasias!
Formo o contorno do belo e assim envolvo minha poesia.

O tempo deixará que eu erre o tanto que precisar
Com expectativas, meu acarinhar me levará;
Minh'alma amadurecerá e só de sonhos viverá.



28/09/05
LuliCoutinho
Enviado por LuliCoutinho em 28/09/2005
Reeditado em 31/01/2008
Código do texto: T54705
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
LuliCoutinho
São Paulo - São Paulo - Brasil
863 textos (158637 leituras)
2 áudios (428 audições)
7 e-livros (1313 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:15)
LuliCoutinho