Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PORTO SEGURO

Porto seguro dos meus instintos
Fantasias que vivo e abandono
Sinto seu perfume no íntimo
Vejo ainda seus olhos de outono.

Desfolham-se frágeis os desejos
O corpo tímido que se entrega
Pequenas estórias, nossos enredos
Presente e passado duelam.

Uma reminiscência, a descoberta
Calor dos anseios, esperas
Rosto ainda com face encoberta
Olhar perdido em quimeras.

Reflexo presente, eu sozinha
Voz que distante me aquece
Desejo, sonho, caminho...
Calor que desperta e adormece.

Acordes se perdem no horizonte
Oceano de sonatas dispersas
Tento buscá-lo, mas onde?
Liberto-me... Sou as velas...
Helena Sut
Enviado por Helena Sut em 02/03/2005
Código do texto: T5543
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Helena Sut
Curitiba - Paraná - Brasil, 46 anos
614 textos (784183 leituras)
2 áudios (1253 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/10/16 01:53)
Helena Sut

Site do Escritor