Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Recôndito

Amigo,
não posso estar
nem dar presente
até que se apresente a ocasião!
Mando então as poesias
e, nelas, meu coração...
São duas décadas de nós
e isto conta... Não conta?

Revelo o antes bem guardado
recôndito de meu ser;
mando cheio de rasuras
de um tempo passado
mas que ainda dá para ler...
Poeteiro
Enviado por Poeteiro em 02/10/2005
Código do texto: T55626
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeteiro
Santos Dumont - Minas Gerais - Brasil
440 textos (10789 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:24)
Poeteiro