Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O tempo e o rio


O tempo passa! E me perguntam o que acho...
E assim me lembro do lugar onde cresci:
Lá, no quintal, perto da cerca, um riacho
querendo um mar que só adulto eu conheci;


Era um riacho pequenino, sem volume
que eu vi passar, ano após ano, sem mudar...
Isso é o que acho: o riacho, ele resume
o que é o tempo; vê-lo sempre no lugar!
Mesmo passando ele não passa – permanece!
E me acontece de querer seguir o rio...
Ele que desce, vai querendo achar o mar!
Eu, no lugar, com o olhar triste e sombrio
vejo esse rio que não pára de passar...
Fico parado! Perco o tempo, perco o rio...
Perco o rio, perco o sonho e esqueço o mar!
Poeteiro
Enviado por Poeteiro em 02/10/2005
Código do texto: T55632
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeteiro
Santos Dumont - Minas Gerais - Brasil
440 textos (10789 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 22:56)
Poeteiro