Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Beija-Flor


De flor em flor, de coroa em coroa,
Bebericas o néctar da alvorada...
No teu jardim, uma flor olvidada
Esmorece em gotinhas de garoa;
 
Nas ondas que açoitam uma canoa;
Na angústia de uma enxerga definhada;
Num choro mudo de uma desgarrada
P’los míseros canteiros de Lisboa!
 
Ah! Se os rouxinóis cantassem amores,
Aqueles que sorveste em cada rosa,
Cantariam num chão de murchas flores,
 
E, nos caules, pousariam dolorosa
Cantilena de acordes pecadores,
Pois nem o dó seria nota penosa!...
 
Cristina Pires
Enviado por Cristina Pires em 04/03/2005
Código do texto: T5627

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cristina Pires
França, 51 anos
87 textos (6699 leituras)
1 áudios (37 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 22:16)
Cristina Pires