Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Em pé de guerra


Devias ver na vida
o brilho dos olhares
em cada despedida,
o rumo da partida
de todos os lugares!

Devias ver, querida,
o céu azul, os mares
e a vela distendida,
jangada conduzida,
sem ter outros pesares;

Devias, como vejo,
também veres o riso!
Verias o desejo
do verso que despejo
no chão por onde piso.

Devias-me o meu beijo
e mais quanto preciso...
Tirar, no realejo,
a prova do desejo
no qual me martirizo!

Devias, mas não fazes...
Não vês, nem olhas nada
e nem somos capazes
de fazermos as pazes;
e não fazemos nada!

Poeteiro
Enviado por Poeteiro em 09/10/2005
Código do texto: T58019
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeteiro
Santos Dumont - Minas Gerais - Brasil
440 textos (10789 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:19)
Poeteiro