Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

24 de dezembro, natal.



24 de dezembro, natal,
 e a veste é vermelha,
a toalha na sala é de renda
e tu,anjo,és risonho
mas também irônico, quase enfadonho.
Sabes que no natal novamente
enterro minha infância,
a criança...
Mas as lembranças, estas,não há como olvidar
são vívidas ainda hoje.
24 de dezembro, natal, e o Peru
empanturrado de sarrabulho,
  manjar cobiçado.
E eu sempre tive dó daquela estrela
pendurada, espiando no cume do pinheiro,
-ela é tão solitária!-
24 de dezembro no mundo:
e uma bruta saudade.
Suzana da Cunha Heemann
Enviado por Suzana da Cunha Heemann em 16/12/2016
Reeditado em 16/12/2016
Código do texto: T5854914
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Suzana da Cunha Heemann
Fortaleza - Ceará - Brasil
955 textos (105895 leituras)
2 e-livros (547 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/09/17 00:04)
Suzana da Cunha Heemann