Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Marionetes

Personagens da vida
Brinquedos soltos
Cujos cordões que nos prendem somos nós
Barbantes sem cor
Brinquedos, peças de compor
Partituras pela metade
O pedaço da montagem está no ar
Cabe a nós a ousadia de encaixar
Cabeça, tronco e membros
Mamulengos
Já não dá
Nada compõe o esqueleto do universo
Tem o dom de dispersar
Encontram-se cabeças arrematadas em algum lugar
Estranhas peças essas nossas...
Nem a vida, nem a morte podem juntar
Quando encontro braço; é perna.
Quando encontro o amor em todos esses quadrinhos
Coração em pedacinhos...
Flutuam, sem nenhuma lei pra grudar



Verônica Aroucha
Enviado por Verônica Aroucha em 11/10/2005
Código do texto: T58718

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Verônica Aroucha
Recife - Pernambuco - Brasil
122 textos (7751 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 14:39)
Verônica Aroucha