Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Doce brisa...

Doce e suave brisa
Estou sentindo o seu frescor
Agora em meu rosto
Suave, tranqüilo e brando
Sentindo a sua paz infinita
Invadindo o meu interior
Abra-me agora os seus braços
Quero poder deleitar-me
Com o carinho dos seus afagos
Sentir-me envolta pelos seus abraços
Sim, doce e suave brisa
Permita-me deitar-me em seu colo
Acalente os meus pensamentos
Traz-me novamente a tranqüilidade
Que preciso em meus momentos
Tira-me do coração este sofrimento
E devolva-me se possível
Os meus sonhos
Que voltaram a ficar contidos
Dentro de mim!

D.A.Reservados
Uma Mulher Um Poema
Enviado por Uma Mulher Um Poema em 12/10/2005
Reeditado em 03/01/2006
Código do texto: T59183
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Uma Mulher Um Poema
São Paulo - São Paulo - Brasil
2889 textos (497418 leituras)
75 áudios (27413 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 02:35)
Uma Mulher Um Poema

Site do Escritor