Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sombra de luzes

Volto em sombras na luz que me amou,
sou brisa nos encantos que cantam o que sou,
nesse amor de você,
sou ar, vento, brisa e mar...
 
Nas luas que em nosso céu se deixam ver
sou a poesia que rima a noite e o dia
ao todo que me faz viver
nada é eterno a não ser o amor com o qual me sinto.
 
Sou o desenho autentico de tudo aquilo que sonhou,
faço real seus desejos,
falo de vida na origem do amor,
em sonhos encontro o beijo que em mim o libertou.
 
Sirva a terra dos sonhos plantados em canteiros esquecidos,
faça-se o dia na noite nossa de cada vida,
somos sóbrios em nossos devaneios,
loucos na sanidade que acorrenta os que pensam existir.
 
Sonham seus sonhos sem cores, sem vida, imersos,
desconexos, nada são, a não ser o que pensam,
matam estrelas que caminham nuas nos céus das paixões,
escórias vivas num mundo onde a morte se faz conhecer.
Aisha
Enviado por Aisha em 15/10/2005
Código do texto: T60031
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aisha
Jundiaí - São Paulo - Brasil, 50 anos
791 textos (35174 leituras)
1 e-livros (57 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:14)
Aisha