Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUADRILHA

QUADRILHA

Olho para meu umbigo
Ambíguo
Sem cordão umbilical
Não sou de nenhum partido
As vezes sou direita
Outras sinistra
Perco-me no centro
Nunca estou dentro
Não represento capital
Não abraço social
Não tenho bico colorido
Nem acredito em delírios
Rubro-estelares
Não tenho qualquer desculpa
Por sentir culpa
De acreditar em quadrilhas
Em que o casamento
Não é celebrado pelo padre
Os “noivo” casam por interesse
A chuva não é de pingos
É enxurrada de balões
Deslavados ou lavados
O animador é de rodeio
A fogueira é de vaidades
As “carne” fraca
Tudo podre ( de rico )
E os dançarinos
Pulam qual pipoca
Esfarelam qual paçoca
E tomam quentão
Pra afogar a raiva
De cada delação
Assim não dá não
Óia a chuva!!!
É mentira!!!
Verdadeeee!!!



Arjofe
Enviado por Arjofe em 19/06/2017
Código do texto: T6031286
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Arjofe
Taubaté - São Paulo - Brasil, 66 anos
3134 textos (63183 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/06/17 21:48)
Arjofe