Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A_pesar



Há pesar no momento em que se vai
Deixando para traz tanta lembrança
E apesar de tudo ainda atrai
Uma réstia inegável de esperança

Há pesar no coração, que se entristece
Ao saber que vai se desvencilhar
E apesar de silenciar sentida prece
Permite aos poucos se esvaziar

Há pesar na despedida inevitável
Onde a dor dilacera e fere a alma
Apesar de parecer insuportável
Heroicamente o coração se acalma

E assim, encerra-se o enredo
De um amor que se pensava imortal
Apesar de tudo, guarda em segredo
O medo que sugere ser fatal

Há pesar na morte do querer
Que jaz entorpecido, sem vaidade
E apesar do desencanto, e do sofrer
Há sem dúvida a fé na novidade.








Priscila de Loureiro Coelho
Enviado por Priscila de Loureiro Coelho em 18/10/2005
Código do texto: T60644
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Priscila de Loureiro Coelho
Jacareí - São Paulo - Brasil, 65 anos
1286 textos (215230 leituras)
1 e-livros (148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 11:48)
Priscila de Loureiro Coelho