Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Qual o remédio?

Fico aqui a discutir com meus botões
Procurando mil razões
Para entender o sentimento
Compreender  os pensamentos
Numa busca  inútil
Para desvendar tantos mistérios
Da subjetividade do homem.
São tantos pensamentos desiguais
São porquês que não se atrai
Sintonias perfeitas e imperfeitas.
Lutas por causas diferentes
Justificadas freqüentemente
Como defesa da vida.
Um antagonismo sem igual
Escondida por ideologias
Que tornam mentiras verdades
Ou verdades em mentira.
Vivendo uma sociedade
Onde o que se esconde a verdade
Que é o individualismo
As vontades pessoais
Mas que vem maquiadas
Como bem coletivo
Onde por meio do sentimentalismo
Amedronta a população
Fazendo sensacionalismo
Sem a menor consideração
Onde um objetivo final
É conquistar o voto do cidadão.


Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 18/10/2005
Código do texto: T60796
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 51 anos
5266 textos (1219534 leituras)
5 e-livros (11756 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:56)
Ataíde Lemos

Site do Escritor