Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0158 - Enfim só...



 

Meu nu não notou,
já pedi demais, implorei
por te ouvir falar de amor,
apenas teu, tu e eu.

 

Não preciso de amanhãs,
por que devo pedir mais?
Se és minha, se sou teu,
pega, me leva embora,
para ficar eu e tu.

 

Se, quando disseres ''I love you'',
talvez me assustarei
e correrei para teus braços,
pra ficar só tu e eu .

 

Depois de tanto sonhar sozinho,
''I love you'' estou indo,
depois de muito tentar dizer ''nós''.

 

Enfim só...

 

06/02/2005

Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 08/03/2005
Código do texto: T6123
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116059 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/16 12:31)
Caio Lucas