Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PUTA QUE PARIU

Bloqueado estou
sem estar plugado,
toca ao lado, o pancadão...

puta que pariu, som de merda,
não me traz inspiração....

sei mais não, me perdi neste tempo,
percebo que vou sofrer ação de despejo
pela idade, saudade. Vamos pra frente...

gosto de tudo, exceção algumas porcarias...
idade de águia, alcoolizada, olhando do alto
com olhos de fino trato
procura caçar
o seu jantar...

socorro!!!! quero ouvir milton, zeca baleiro, bethânia, valença,
fagner, rita e ramalho. Devolvam os meus bolachões, vitrola, que entola e atrola o som longe dos secos e molhados....

É a minha última de hoje,
chutei o pau da barraca
tudo hoje tá um escarro, um saco...
vou esbarrancar, encostar, aconchegar com a
minha querida e adorável gatinha manhosa, miau...miau...miau
 
Kulayb
Enviado por Kulayb em 23/08/2007
Reeditado em 23/08/2007
Código do texto: T620927

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Kulayb
Goiânia - Goiás - Brasil, 61 anos
1155 textos (55871 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 10:39)
Kulayb