Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem súditos!




Estou a um canto do mundo,
A ver navios que passam na amplidão,
A naufragar na imensidão do mundo,
Um império parado no tempo,
O rei parado no topo,
Dum império sem súditos,
O abismo se abrindo a meus pés,
Obscuro!
Estou só!
Até quando?




21/09/88
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 22/10/2005
Código do texto: T62228
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Edvaldo Rosa
São Paulo - São Paulo - Brasil, 55 anos
1727 textos (173761 leituras)
23 áudios (10650 audições)
35 e-livros (8978 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 01:21)
Edvaldo Rosa

Site do Escritor