Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ainda que...

Ainda que eu viva por cem anos
jamais te esquecerei
e mesmo que me cubram desenganos
ainda eu te amarei!

Ainda que eu faça outros mil planos
jamais te esquecerei
e os versos mais sentidos, mais humanos,
em teu louvor farei!

Ainda que se acabe esse perfume
da rosa que te dei,
efêmera que foi, ela resume
o quanto te amarei...

Ainda que a canção se torne triste,
aquela que cantei,
farei com que tu saibas que outra existe;
mais uma que eu criei!

Ainda que no céu tu já não vejas
a estrela que te dei,
farei volver a luz para onde estejas
pois sempre te amarei...
Poeteiro
Enviado por Poeteiro em 22/10/2005
Código do texto: T62276
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeteiro
Santos Dumont - Minas Gerais - Brasil
440 textos (10789 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:26)
Poeteiro