Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O SILÊNCIO FALA


O silêncio fala quando nós queremos calar
pensando jamais suportar o terrível momento
       que o nosso coração vem rasgar,
             inundando o pensamento
com lágrimas que convertidas na mais pura água
    em nós faz calar toda e qualquer mágoa!

O silêncio fala  quando gostaríamos de esquecer
aquilo que deixamos de fazer, e era nosso dever,
pois temos toda vida, mas aquela era a hora certa.
      E hoje, a omissão nosso coração aperta.
          Ah! Se pudéssemos retroceder.

O silêncio fala e nos diz quais são os caminhos
para nos libertarmos de qualquer situação.
Mas só podemos escutá-lo através do coração,
onde descobriremos que sempre tivemos carinhos.
Quantas vezes libertos de espinhos com amor,
ingratos ou distraídos nós esquecemos sozinhos
quem nos livrou da aflição
               com a ternura de uma flor!

O silêncio fala com sabedoria para a nossa alma
      que em tudo nesta vida se dá um jeito.
Então um grande alívio sentimos no peito.
Parece que nunca sentimos tanta calma,
e só é digno dessa calma quem por Deus é eleito,
        não importa o que já tenha feito
            Pelas pessoas a quem ama!

              Até quando a alma cala
    O silêncio fala!

                                                 Jan/07
                                  Fernando Alberto Salinas Couto
Fernando Alberto Couto
Enviado por Fernando Alberto Couto em 25/08/2007
Código do texto: T622906
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fernando Alberto Couto
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 66 anos
1203 textos (54952 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 10:47)
Fernando Alberto Couto