Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PONTA NEGRA

Uma rede no terraço.
Um lar acolhedor,
Erguido no alto de dunas
De igual cor.

O meu  olhar passeava
pelo verde daquele mar,
que encontrava no sem fim,
o céu do mais lindo azul.

Em um canto da tela,
lindo e convidativo
via o Morro do Careca.

Ali, embalei meus sonhos,
de menina e quase mulher.
Viajei, amei, noivei, casei,
com galãs, príncipes e heróis.

Cresci, troquei os sonhos,
alguns eu realizei;
de outros me despedi.

Mas, persiste o encanto:
Guardo em mim a certeza:
Ainda que não seja a mesma,
Ponta Negra é o meu canto.


Tiê_ Veca Furtado 14/7/2005
Vejam a homenagem a Ponta Negra em meu blog:
www.evelynefurtado.blogspot.com
Meu Universo em Prosa e Poesia.
Evelyne Furtado
Enviado por Evelyne Furtado em 31/08/2007
Reeditado em 01/09/2007
Código do texto: T632902

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Evelyne Furtado
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil
974 textos (121299 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 01:02)
Evelyne Furtado