Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DIZIMAR SEU NOME DA MINHA VIDA!

 
Se o tempo de outrora pudesse ser revivido!...
Faria tudo de novo sem tantas repetições que me fizeram acostumar, inclusive, com a dor e o sofrer!
Olharia melhor o destino dos meus passos, quem sabe, para não estar nesta hora a lamuriar possibilidades!
Viveria todo o tempo que passou e, talvez, no processo de exclusão de vidas que me possibilitaram conviver com a dor, eu dizimaria seu nome do meu coração!

Balsa Melo
05.04.2005
CABEDELO - PB
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Enviado por BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO) em 01/09/2007
Código do texto: T633437
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Uberaba - Minas Gerais - Brasil
3010 textos (87780 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 00:51)
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)