Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O cheiro do seu perfume

quanta angústia em meu peito,
é um nó que não desata
é uma dor que não precipita

tenho trocado os passos
e nada me faz mudar o sentido
sou um bêbado que não bebe

a lua engravidou meus sonhos,
mas eles não parem, não germinam
é como o sal da minha boca

hoje eu quero a cama,
hei de me entregar aos deuses
ó minha amada perdoe este menino!
Pedro Cardoso DF
Enviado por Pedro Cardoso DF em 01/09/2007
Código do texto: T634472
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Cardoso DF
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 69 anos
4458 textos (97864 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 23:26)
Pedro Cardoso DF