Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sonhos Despertos



Aceso, eu vejo as luzes serem apagadas.
A noite lentamente cede ao dia.
Algum motivo, decerto ainda haveria
para sobreviverem tantos escritos,
compostos versos com poucas rimas,
enquanto meus olhos permanecem abertos
vedando o descanso por demais necessário.

Abandona-me o imaginário
em densas cores também abandonadas.
O não saber gera, por fim, alguma agonia,
limiar profundo entre os seres e os mitos,
inspiração de admiráveis obras-primas,
que nasceram da pureza de sonhos despertos...


ENIGMA
Enviado por ENIGMA em 03/09/2007
Reeditado em 26/07/2013
Código do texto: T636120
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ENIGMA
Seattle - Washington - Estados Unidos
1120 textos (182941 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 06:56)
ENIGMA