Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LUA, MINHA AMIGA E CONFIDENTE

Lua.
Quantas vezes eu fiquei só a te fitar?
Sem nada pensar.
Simplesmente a te olhar.
Lua.
Quando menina eu me sentava na soleira pra te contemplar.
Cresci, tanto eu vivi,
e ainda gosto de me sentar pra te admirar.
Te sinto como uma amiga, uma confidente.
Meus olhos tantos segredos estão sempre a te contar.
Lua. Quando sinto solidão te busco na amplidão.
Corro te buscar.
Se não apareces, lua...
... eu olho a rua...
Deito o olho na calçada nua...
e a lágrima deixo rolar.
SONIA DELSIN
Enviado por SONIA DELSIN em 04/09/2007
Reeditado em 08/04/2011
Código do texto: T637746

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SONIA DELSIN
São Carlos - São Paulo - Brasil
4552 textos (80308 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 06:48)
SONIA DELSIN