Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Faço um poema agora

o perfume doce das roseiras
no alento promíscuo dos instantes
que debruçam sobre os mesmos
fazem-me lembrar

enquanto caem por terra
os gigantes de mármore gelados
criados pela vã discórdia eterna...
fazem-me lembrar

nas belas imagens que por mim passam
dialogando silenciosamente comigo
por entre darkness e sorrisos
fazem-me lembrar

e as raízes que vêm à tona
dos encontros e prelúdios
de sensatos orifícios
fazem-me lembrar, meu deus

DE COMO SOMOS IDIOTAS
Celso Godoi Neto
Enviado por Celso Godoi Neto em 04/09/2007
Código do texto: T637899

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Celso Godoi Neto). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Celso Godoi Neto
Porto União - Santa Catarina - Brasil
76 textos (3420 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 21:01)
Celso Godoi Neto