Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PELOS CAMINHOS DO MEU EU


Autoria de Regilene Rodrigues Neves
 
 
Meu eu tem vendavais
Cala tempestades
Consente verdades
Grita no silêncio
Chora lágrimas de várias emoções
Ora de alegria infinita
Ora de uma dor
Que ao doer me ensina
Que no fel o sabor
Transcende minhas limitações
E eu tudo posso naquele que me fortalece!
 
Sou meus erros porque sem eles
Não seria aprendiz das lições
Que me tornam melhor como pessoa
Sou certa quando errada
Provoco minha força
E me liberto...
Sou asas sobrevôo mundos...

Das pedras colho as flores que oferto
São pétalas do tecido fino da minha alma
Minha essência fragrância pura de amor
Que exalo em inspirações
De palavras que me enchem de viver!

Nelas vibro me excito
Viajo sonhos que nunca alcancei...
Mas que importa se os sonhei
E em cada sonho renasci
Para encontrar janelas abertas para o céu...

Madrugadas vislumbrei
Por luas mágicas
Estrelas fascinantes...
Encontrei nuvens passageiras
Tempos de guerra e de paz!

Tive sede de mar
Navegar meu barco
Sem destino para meu destino encontrar...

Ouvir o som do silêncio
Em dimensões de múltiplas emoções
Na voz de um coração pulsando a vida
Que em minhas entranhas corre
Como o navegante corre para a liberdade
No seu ápice de felicidade!

Eis o meu eu absoluto
Dono de um segredo
Confesso na transparência
De um poeta que das trevas o liberta...


Em 05 de setembro de 2007

 
regipoeta
Enviado por regipoeta em 05/09/2007
Código do texto: T640405

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
regipoeta
Goiânia - Goiás - Brasil, 54 anos
1359 textos (139073 leituras)
22 e-livros (7180 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 11:56)
regipoeta