Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carta de uma quase irmã

Querida,

Sei que passa por um momento dificil. Ninguém me contou, mas eu te conheço bem... Vi pelos seus olhos.

Não vai cair chuva de canivete, nem nada similar... Deus nunca coloca alguém no frio sem que tenha pele para aguentar. Os problemas não acontecem por acaso, eles sempre nos ensinam valiosas lições. Lembre-se que o sol sempre nasce...

De qualquer modo, estou ao seu lado. Basta gritar, espernear ou simplismente pedir colo! Não sou sua amiga apenas pra rir junto ou até caminhar lado a lado, mas para tudo! Essa sua amiga aqui te ama muito e quer ver-lhe bem, portanto lembre-se: estou aqui para o que for, acontecer ou suceder.

Beijos de uma amiga do peito (quase irmã)
Verônica dos Santos
Enviado por Verônica dos Santos em 07/09/2007
Código do texto: T642026

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Verônica dos Santos
Uberaba - Minas Gerais - Brasil, 30 anos
346 textos (24876 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 00:23)
Verônica dos Santos