Capa
Cadastro
Textos
┴udios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu sou o que restou de mim


Eu sou aquela que mesmo sem ser é simplesmente
Sou céu estrelado em noite sem luar
Incompleta
Às vezes incompreendida

Não sou quem gostaria de ser
Sou o que poço ser
Já fui muitas,
De muitas caras
Muitos amores
Mas hoje me perdi
Não sei mais quem sou

Talvez saiba o que ainda sou
Ou que restou de mim
Mas tenho medo de admitir
Porque talvez seja tarde demais

E mesmo que a lua apareça no mar
Mesmo que todas as canções falem de você
Eu me perdi
Abandonei tudo em nome de saber
De conhecer um pouco mais de mim
Para conhecer você

Tornei-me mortal
Para aprender amar
E esqueci do passado
De tudo aquilo que eu queria esquecer
E voltei a ser mais uma de fases
Uma menina, uma mulher
NÝzia Rodrigues
Enviado por NÝzia Rodrigues em 08/09/2007
Cˇdigo do texto: T644441
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
NÝzia Rodrigues
Fortaleza - Cearß - Brasil
96 textos (5842 leituras)
(estatÝsticas atualizadas diariamente - ˙ltima atualizašŃo em 17/10/17 22:10)
NÝzia Rodrigues