Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

GRITOS SILENCIOSOS


Gritos silenciosos emergem de minha garganta
Ecoam em savanas distantes
Que em além mar,
Elas sopram ao vento.

Meus versos são os gritos silenciosos
Que meu ser faz jorrar
Em profusões de letras e palavras.
Aos olhos do mundo,
Pouco eles significam,
Ante minh’alma errante
São tão importantes
Encerrando a essência
De minhas doridas vivências.

Ah! Esses gritos silenciosos saltam
Sobressaltam. Transcendem o infinito...
Para mim, são eles tão bonitos!
Meus gritos silenciosos
São os retratos de uma vida
Vivida entre o pranto e o dor
A alegria e o amor.
São a tradução do meu eu
Que não quer falar,
Mas não pode calar...


Assim...

Gritos silenciosos emergem de minha garganta
E ressoam no papel!

Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 12/03/2005
Código do texto: T6459

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Denise de Souza Severgnini http://www.denisesevergnini.recantodasletras.com.br) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
11345 textos (915563 leituras)
16 áudios (8876 audições)
311 e-livros (34050 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/16 17:40)
Denise Severgnini