Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

JAMAIS

Que passe o tempo,
que passem as dores,
que os olhares perdidos
não encontrem-se mais.

Que nossas mãos
distancien-se
como afasta-se
o barco do cais.

Que eu me perca,
por aí, no tempo
que não volta mais.
Saibas que continuo
a captar os teus sinais.

Que tudo isso aconteça,
mesmo que eu mereça,
fiques sabendo
que dessa cabeça
não sairás jamais.
José Nilton Teixeira
Enviado por José Nilton Teixeira em 28/10/2005
Código do texto: T64591
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Nilton Teixeira
Torres - Rio Grande do Sul - Brasil, 55 anos
63 textos (3866 leituras)
3 áudios (316 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:05)
José Nilton Teixeira