Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

se der tempo depois eu boto título

a gente não pode nem andar em grupo
que outro grupo vem e (x) termina o que certo grupo começou.
dizem na tv que a gente era uma gangue
escondem na tela o sangue que a outra gangue derramou.
"polícia sim, malícia não."
ninguém merece polícia disfarçada de milícia.
essa algema secular
tem que ser quebrada
na quebrada, no beco
na boca do povo
no sangue, na raça
oxigenando a alma.
você que quer eu tenha calma
enquanto eles vêm de arma na mão.
injustiça meu irmão, não é carma
eu quero liberdade
chega de redenção.
Eneas Andrade
Enviado por Eneas Andrade em 10/09/2007
Reeditado em 20/09/2007
Código do texto: T646237
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eneas Andrade
Salvador - Bahia - Brasil, 37 anos
109 textos (4078 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 00:41)
Eneas Andrade