Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VONTADE

Dá vontade de amar,
mas o tédio, que me alugou o prédio,
me convida à tv, docemente me faz ver
que o Cupido envelheceu,
suas asas cairam, sua ira apareceu,
que os tribunais estão cheios de casais
buscando o um.
Dá vontade de dizer,
mas o silêncio, esse controlador de ventos,
disse-me que o sussurro é melhor que o murro,
que o salto é melhor que o sapato
preso na lama, que um dia
ainda teremos escamas,
como antigamente.
Dá vontade de esquecer,
mas a lembrança, essa sacola de supermercado,
diz que o pecado é invenção sua,
que na cabeça dos homens, com uma pua,
abriu um buraco negro onde enfiou segredos
que não podem ser contados,
aquele que esquecer tudo de uma vez
jamais será lembrado.
Vontade de água é sonho de balde.
Preto Moreno
Enviado por Preto Moreno em 12/09/2007
Código do texto: T648988

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Orivaldo Grandizoli). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Preto Moreno
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
7448 textos (107655 leituras)
8 áudios (72 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 17:07)