Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FUGA

O que eu fui e o que eu sou
andam zangados entre si.
Brigaram faz pouco tempo,
quando um amor aportou
causando-me um frenesi
e certo aliciamento.

A mulher-menina de outrora
de tristeza agora chora
e deu p’ra maldizer
o recém-chegado bem-querer.
Acusa-o de intrometido,
atrevido e sem sentido.

A  dona-mulher presente,
importunada por um cupido
impaciente, acha-se insipiente.
Quer e não quer. Só, sente.
Sofre o entusiasmo contido,
imagina o ainda não-vivido.

No meio deste conflito,
eu me agito, não me ajeito.
Será o amor  imperfeito ?
Ou será o amor bendito?
Coração constrito, grito , por fim:
vou-me embora de mim!


linameirelles
Enviado por linameirelles em 12/09/2007
Código do texto: T649999

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Lina Meirelles http://linameirelles.zip.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
linameirelles
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
692 textos (13538 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 06:43)
linameirelles