Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CASA 96

A CASA 96 ACORDA MADRUGADAS,
AS SOMBRAS NAS FACES OCULTAM O MEDO,
O CHEIRO DA PELE ACENDE PECADOS,
O CAFEZINHO ACOMPANHA O ENREDO,

O GRITO ESTRIDENTE INSPIRA INTRIGAS,
O DESENCONTRO MOSTRA O PENSAR CORROMPIDO,
A NOITE SE VAI NO ROMPER DA AURORA ,
AS RUAS AGITADAS ENGOLEM À NOITE PASSADA.

PARECE CÉTICO, INEXISTENTE,
A NOITE NÃO SABOREAR DO AMANHECER,
O PRIMEIRO PERFUME, NEM MAPEAR
O CÉU DE ESTRELAS ,COMO DE COSTUME.

AS MÃOS DANÇAM EM FRENTE AO PAPEL.
OS DEDOS CORREM PELOS ESCRITOS,
OS OLHOS BAILAM NOS TRECHOS LIDOS,
O RELÓGIO SE INSTALA DIANTE DE TUDO.

O ROMANCE NASCE NA PALMA DO MUNDO.
Ecila Yleus
Enviado por Ecila Yleus em 14/09/2007
Reeditado em 24/09/2007
Código do texto: T652571

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ecila Yleus). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ecila Yleus
Recife - Pernambuco - Brasil, 64 anos
328 textos (10435 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 06:35)
Ecila Yleus