Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Abra a Janela

Abra a janela
© Soaroir Maria de Campos

15/9/07 12:19h
p/poesia on-line do RL


Tantas vezes ansiosos
Debruçamo-nos na janela
Ao fundo o horizonte
O mundo exterior
Todo o inverno
Demais estações
Desfilando por ela
Enquanto o poeta canta:
"Há só cada um de nós
Como uma cave".
Nossa alma fechada
Na janela aberta
Olha e não vê
O tempo chegando
Anti criogênesis
O mundo passando
A falta de chuva
O grito das flores
O planeta sofrendo
Ressequidos horrores
E o poeta a fio...:
"Não  basta abrir a janela
para ver os campos e o rio".

mote: "Janela aberta (minha alma abriu-se)"
In  “Cabo da boa esperança “ Sebastião da Gama

http://www.recantodasletras.com.br/forum/index.php?topic=2955.0


Soaroir
Enviado por Soaroir em 15/09/2007
Reeditado em 06/01/2015
Código do texto: T653573
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Soaroir
São Paulo - São Paulo - Brasil
943 textos (56296 leituras)
5 áudios (986 audições)
16 e-livros (5140 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 21:48)
Soaroir