Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Anjo do Pecado

Oh! Anjo do Pecado
Que anarquizas o Céu
Foste condenado
Pelos maldosos do Bem
Por entre os girassóis
Que superam os lençóis
Do verão mais sombrio
Que em um beijo frio
Desfez todo o calor
E trouxe de volta o rancor
Dos mais mórbidos anjos.

Oh! Anjo do Pecado
Que sonhas com o trono
Que queres ser o rei
Rodeado de pálidas Bromélias
Foste mandado ao Inferno
E que em chegada às trevas
Impondo Anarquia Gereralizada
Foste rejeitado
Por entre as trepadeiras
Roseiras sem Rosas
Que cultivam o espinho
Ervas venenosas
Não há o que fazer.

Oh! Anjo do Pecado
Suas esperanças jazem nos Céus
Acorda de teu sono
Limpe todo teu pranto
Que és mau para o Bem
Que és bom para o Mau
Que foste rejeitado
Por tudo e por todos
Apenas pelo pecado
De ser o que se é.
Júnior Leal
Enviado por Júnior Leal em 14/03/2005
Código do texto: T6581

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Júnior Leal
Lagoa Santa - Minas Gerais - Brasil, 31 anos
958 textos (30829 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 13:10)
Júnior Leal