Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estrada

Estradão


Um dia olhei para trás
E vi tudo passando naquela pressa doida
Uma queda ali, um desvirginar acolá...
E no meio daquilo tudo
No meio daquela variedade superficial
Só uma coisa era fixa:
A estrada!
Mas, que ironia, ela é tão sem graça
Cinza, traço branco, cinza, traço branco...
Alexandre Matos
Enviado por Alexandre Matos em 18/09/2007
Código do texto: T658142
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alexandre Matos
São Paulo - São Paulo - Brasil, 38 anos
44 textos (1758 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 22:11)