Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DA NOSSA PRIMAVERA

O mundo é tão perverso
Que descoloriu os meus versos.
Os belos versos que te fiz
Vendo as flores dos jardins.

Mas é hora de acordar para primavera.
O inverno triste e frio que te envolveu já era.
Nasceram lindas flores
E com elas vieram muitas cores.

Renova a tua vida com essas cores;
As cores do meu jardim cheio de flores;
As flores que vêm com a primavera.

O mundo é tão perverso
Que mesmo descolorindo os meus versos
Jamais conseguirá descolorir as cores da nossa primavera
Adriano Hungaro
Enviado por Adriano Hungaro em 19/09/2007
Reeditado em 22/09/2007
Código do texto: T659277
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Adriano Hungaro
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
549 textos (39345 leituras)
10 áudios (1607 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 00:45)
Adriano Hungaro