Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Coração Sem Habeas Corpus

Tenho o monopólio da esperança,
E do devaneio ( ou da loucura?...)
Tenho a ilusão da criança
E a fé no impossível, mas que é cega e pura!

E gostaria de ser acusado
De te amar, sem poder te amar!...
Para que o meu coração-advogado,
Nem da sentença ousasse protestar...

E ele diria: “Sou réu, confesso,
Mas não peço perdão.
Pelo amor de Deus, eu peço,
Prenda-me no seu coração!”
Antonio Maria S Cabral
Enviado por Antonio Maria S Cabral em 20/09/2007
Reeditado em 15/10/2008
Código do texto: T660192
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antonio Maria S Cabral
São Luís - Maranhão - Brasil
1276 textos (156948 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 15:20)
Antonio Maria S Cabral