Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOB LUZES

Sob a luz do sol
abro meu coração,
sob a luz da lua
dispo minha emoção,
sob a luz de néon
cubro-me com o manto do poeta,
decido mudar meu pensar,
decido fazer por onde,
decido não decidir;
Sob as luzes
escrevo, reescrevo, crio, recrio,
leio, releio,
busco as reais intenções das palavras,
busco o porquê e o sentido de sorrateiros atos,
confesso não entendo muitos fatos,
então risco um traço abro “aspas
desfaço
refaço
faço juras
fecho aspas”
Sob luzes
desnudo-me do manto do poeta,
volto a ser normal.


29/11/06
ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Enviado por ANDRADE JORGE em 21/09/2007
Código do texto: T661833

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Áudio
SOB LUZES - ANDRADE JORGE
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ANDRADE JORGE
Jundiaí - São Paulo - Brasil
1050 textos (91195 leituras)
27 áudios (1860 audições)
2 e-livros (330 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 00:36)
ANDRADE JORGE