Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Se Sou, Sou...

Não estou sendo negativista.
Estou apenas tentando esquecer.
E para esquecer resvalo
na insensatez dos questionamentos
de quem sou ou quem deixei de ser.

Afinal quem somos nós?
Não sei.
Mal dou cabo de conhecer a mim.
Sei que sou e não sou.
Se sou, sou.
Se não sou, não sou.

Mas devo ser alguém
ou alguma coisa pois
caso contrário nada seria.

Ou você é.
Ou você não é.
Estaria correto
esse pensamento?
Não sei.

Perguntem ao senhor dos tempos,
ao governador de meus dias.
Perguntem ao coveiro
que enterra meus ossos,
que recolhe meus cacos
e pranteia minha morte
cada vez que os homens me matam.

Perguntem ao rei
que me consumiu de ausências
e decretou meu fim
em cantatas feitas
no raiar do dia.

Talvez eu seja alguém.
Mas hoje eu não queria ser.
Queria me perder
em algum buraco fundo
e ali adormecer meus dias
até saber o que vou fazer de mim...
Maria
Enviado por Maria em 23/09/2007
Código do texto: T665313
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4729 textos (191766 leituras)
1 e-livros (113 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 18:00)
Maria

Site do Escritor