Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PORQUE EU SOU POETA

Até parece um chiste
Mas, fato é, e triste
No verso tudo eu traço
E no real nunca faço
Mas traço minha meta
Porque eu sou poeta

Cada verso, cada linha
Ilusão dessa cabecinha
Que viaja e sonha só
Num mundo sem amor nem dó
Subo aos céus de bicicleta
Porque eu sou poeta

E, quando só, mesmo assim
Sinto teu calor em mim
Deito na cama ao teu lado
E invento até o passado
Vou à igreja e dou coleta
Porque eu sou poeta

Intimamente sei, é ilusão
E mais aperta o coração
Por que no fim de cada dia
O que sobra é pura melancolia
Então, da tristeza faço poesia
E viro sumidade, atleta
Porque eu sou poeta

Vivo de migalhas, do resto
E nem sei pra que eu presto
Não sou velha, nem sou nova
Risco soneto, traço trova
No inconsciente rasgo o poema
Na vida seguro meu dilema
Sozinha ou com o povo
Eu tento tudo de novo
Mas não tiro o meu da reta,
Porque eu sou poeta

Não tenho endereço, nem idade
Vivo em insana mediocridade
Cultivo e multiplico o Amor
Sozinha eu enfrento o pavor
Um é o mesmo que cem
Vivo entre tantos, sem ninguém
Navego oceanos em motocicleta
Porque eu sou poeta

Viajo num mundo colorido
Onde tudo é puro e bonito
Invento até a invenção
Tudo é fruto da imaginação
Vou a qualquer lugar
É só me concentrar
Esqueço o desamor, a solidão
E criador vira criação
Amor entrega devoção
Como ensinou o maior profeta
Porque eu sou poeta

Sonho e canto paixões
Flores e dores dos corações
Rabisco vontades e sensações
Narro tristezas, saudades,
Grito de emoção, felicidades
Que tu lês e não soletra
Porque eu sou poeta

Mas, o que me põe mais medo
É que de tudo isso vivo o arremedo
Por que se tudo me afeta
De maneira sutil ou direta
Eu não passo de pobre poeta
Que apesar de tudo jamais vai deixar
De com os atos humanos se emocionar
Porque eu sou poeta
E poeta só sabe Amar!
E nessa natureza planar
Nadar
Voar
Flutuar
Sonhar
Chorar
Sofrer
E escrever...

Escrever até morrer
Porque eu sou poeta
E poeta escreve pra viver
Sonha prazer
Vive pra ser
               Poeta
                         Poeta do Amor!
Tânia Regina Voigt
Enviado por Tânia Regina Voigt em 24/09/2007
Reeditado em 04/12/2009
Código do texto: T665704

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Tânia Regina Voigt). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Regina Voigt
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil
1026 textos (48071 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 12:15)
Tânia Regina Voigt