Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Jacy, amor de outrora

Cedo desperto... Olhos fixos para o fim da minha rua,


onde ela desponta


aos meus olhos,


quase nua,


em suas curvas.


Em seu mundo introspecto,


misterioso...


Sua grua.





Respondendo em silêncio, meus lascivos


apelos,


quando mexe-se e revira-se,


quando torce o quadril.


Meu peito ansioso explode em mil.


Meu amor reverbera.


Meu corpo febril queima em brasas,


em total desespero.





Em teu perfume ,


doce odor de


primavera. Paixão


me consome.


Me criando arrepio.


Eu passo por ti e por vezes me ignoras,


outras vezes tu me olhas


com o olhar de quem se inflama.


Eu sussurro teu nome aos ventos,


tu somes,


eu te encontro depois


e te olho com meus olhos


de quem deseja


sem poder tocar,


mas sempre


ou de quando em quando,


tu menina,


pousas por lá.


E aos meus olhos


seus segredos,


seus desejos,


seu calor


acumulam...


Vem menina,


um dia a beleza termina,


enquanto isso eu quero te amar.








em 18/06/2003
para Jacyara,com carinho...
Wam Nick
Enviado por Wam Nick em 24/09/2007
Código do texto: T666012

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wam Nick
Recife - Pernambuco - Brasil, 43 anos
103 textos (3398 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 04:26)
Wam Nick