Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

IGNORÂNCIA

Sei dizer que o que sei não me outorga o saber,
nem as leis que decoro me elegem a lei,
porque tudo me alerta pro todo que falta,
quando aponta pro azul que eterniza a distância...
A verdade que aprendo é que nada aprendi
nestes anos pautados por tantas lições,
face ao quanto perdi ou me falta ganhar
em versões de verdades que batem cabeças...
Tenho mais; muito mais; muito além do que penso,
pra percar nestes mares abertos aos sustos,
à ciência do nada que a vida me deu...
Mesmo tanto, e tão rico meu tempo na estrada,
é tão fudo o destino, que não chego ao fundo;
tantos anos de mundo e sequer comecei...
Demétrio Sena
Enviado por Demétrio Sena em 26/09/2007
Código do texto: T669219
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Demétrio Sena
Magé - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
3052 textos (61819 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 04:58)
Demétrio Sena